Celular no Banheiro – Vapor do Banho pode Estragar o Aparelho



  

Calor somado com a Umidade pode danificar os aparelhos de celular.

Pode-se afirmar que esta década representará para as futuras gerações um divisor de águas sem precedentes. Isso porque, nos últimos anos, a tecnologia revolucionou os modos como a sociedade comporta-se. A internet ao alcance da maioria possibilitou que as distâncias do mundo real fossem encurtadas por meio do mundo virtual.

Dessa forma, negócios como compras e vendas passaram para uma nova esfera. Outros produtos do mercado cultural como filmes, vídeos e músicas passaram a ser ainda mais reconhecidos e consumidos por todo o mundo.

E ainda existem os aplicativos que facilitam a comunicação. No Brasil o WhatsApp é muito utilizado para troca de mensagens rápidas. Enquanto o email é reservado para que as pessoas tratem assuntos de trabalho ou estudo.

Com tantas possibilidades de escolhas sobre o que fazer no meio virtual, as pessoas passaram a carregar o celular onde elas podem ter acesso a todos esses recursos com muita comodidade, para todos os lugares.

No entanto, é preciso estar atento sobre a segurança do aparelho em determinados lugares e situações, pois apesar de terem uma grande durabilidade, quando estragam o concerto pode sair muito mais caro do que se pensa.




É o caso de deixar o celular no banheiro. Muitas pessoas já se acosturamam a tomar banho ouvindo música, ou então, fazer selfies antes do banho. Seja lá o que for que elas fazem, é bom parar.

Segundo pesquisas, o calor somado a umidade dos banheiros podem danificar o aparelho.

Tanto a água quanto os vapores podem entrar no celular por meio de aberturas e, dessa forma, se alojarem lá dentro, o que obviamente gera estragos uma vez que essas substâncias ficam diretamente em contato com algumas estruturas do aparelho. Isso automaticamente pode diminuir a sua durabilidade. Por isso, se o leitor possui apreço por seu celular, não o deixe no banheiro.

Contudo, há algumas medidas a serem adotadas para depois que o celular já caiu na água. É preciso retirar a capa e a bateria (se possível) e colocá-lo de cabeça para baixo sob materiais que possuem boa capacidade de absorção. Sendo assim, alguns colocam arroz outros uma camiseta de algodão. Contudo, é importante que o celular fique desse jeito por cerca de 12 horas. Vale ressaltar ainda que não se deve ligar o celular antes de 24 horas.

Sirlene Montes






Postar Comentário