Samsung Galaxy S7 e S7 Edge – Como Gravar Vídeo em Câmera Lenta

  

Saiba aqui como gravar vídeo em câmera lenta no Galaxy S7 e S7 Edge.

Os smartphones da Samsung que são top de linha, Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge, são capazes de suportar vídeos em câmera lenta, mas esse processo não é tão fácil quanto fazer o disparo do sensor e dar início a uma gravação. Para que seja alcançado tal efeito de slow motion nos vídeos é necessário utilizar um modo específico da câmera do celular, além da necessidade de salvar e de exportar o vídeo depois que o fizer.

Abaixo está elencado um passo a passo para você conseguir usar a câmera lenta do seu Galaxy S7 ou Galaxy S7 Edge:

1. Você deve abrir o aplicativo de câmera do celular.

2. Antes de fazer a gravação de seu vídeo, selecione o “modo”.

3. Selecione o medo “Movimento Lento”.

4. Feito isso, grave o seu vídeo normalmente.

5. Quando tiver filmado tudo o que quiser, toque no botão que encerra a gravação.

6. Depois disso, é necessário que você efetivamente gere o seu vídeo em câmera lenta. Para tanto, toque no atalho que leva à galeria na interface da câmera do seu celular.

7. Note que o vídeo gravado está com um ícone de modo movimento lento em cima dele. Isso quer dizer que você poderá fazer a edição do vídeo em câmera lenta, bastando encostar no ícone.

8. Você será direcionado para o editor. Na timeline do vídeo existem dois pontos amarelos que fazem a determinação de onde a ação slow motion inicia e finaliza. Você poderá deslizar os pontos para os lados, a fim de que o vídeo inteiro fique em câmera lenta, ou fazer seu recorte.




9. Toque em “exportar” para que seu vídeo possa ser salvo.

10. Vá para o álbum denominado “Editor de Vídeo do S7/S7 Edge” e lá estará seu vídeo em câmera lenta!

Parece muito complicado, mas depois que você faz pela primeira vez fica muito simples.

Sobre a câmera do Galaxy S7

Tanto o Galaxy S7 quanto o Galaxy S7 Edge possuem um conjunto de câmeras muito elogiadas tanto pela crítica especializada quanto pelos consumidores.

Essas câmeras possuem 12 megapixels e por mais que sejam menores que no Galaxy S6 (que tem 16 MP), a qualidade das imagens tende a ser maior, uma vez que produzem imagens com pixels maiores (1,4 micron). Outro ponto é que a abertura da lente é maior do que a versão anterior (f/1.7). A soma desses dois fatores dá permissão para que a câmera capture mais luz no momento de tirar as fotos.

O zoom desses modelos está dentro dos padrões de celulares em geral, sendo um recurso mais simples do que o que está presente nas câmeras profissionais, apresentando um resultado bem inferior, especialmente quando a foto ou vídeo são feitos sem um apoio firme, como um tripé, por exemplo. O zoom possibilita aumentar a imagem em até oito vezes, expondo as limitações dos 12 megapixels, podendo gerar imagens com ruído.

Tanto o S7 quanto o S7 Edge possuem uma tecnologia complexa em seus sensores de câmera. Denominada Dual Pixel, a técnica basicamente faz a associação de dois diodos (estruturas microscópicas que, quando são unidas, acabam formando o sensor; no geral, cada diodo fica responsável por um mesmo pixel, dando a garantia de que, ao passo que um deles faz o registro da imagem, o outro trabalha com o foco. Tal tecnologia dá à câmera desses smartphones a velocidade e a precisão de foco.

Os dois modelos ainda contam com lente de 26 mm feita de plástico e mais seis elementos. Tal lente possui distância focal mínima de 6 cm e, segundo a fabricante com a Samsung, a faixa de ISO vai de 50 a 1250.

Iris Gonçalves






Postar Comentário