Como Consultar CPF no Serasa pelo Celular



Saiba aqui como consultar o seu CPF no Serasa através do Celular.

Agora para descobrir se seu nome está negativado no órgão de proteção ao crédito: SERASA (Centralização de Serviços dos Bancos), basta usar o app desenvolvido para sistemas Android e iPhone, que está disponíveis nas lojas de aplicativos.

Os consumidores estão conseguindo fazer a consulta de seu nome nos registros da SERASA, apontamento que é feito caso um pagamento ou mesmo um contrato esteja com sua liquidação pendente ao credor. A consulta pode ser feita de forma simples e rápida através de um aplicativo fornecido gratuitamente para o celular. O dado básico a ser fornecido é o número do CPF (Cadastro de Pessoa Física), além de alguns poucos dados pessoais do usuário.



Trata-se do app Serasa Consumidor, o qual tem seu funcionamento para smartphone com sistemas Android ou iPhone (iOS), com interface totalmente em língua portuguesa.

O processo necessita de um cadastro prático e rápido, o qual consiste em indicação de informações pessoais. O resultado apresentado mostra as dívidas com empresas, além de várias outras instituições, como por exemplo: Banco Central e Cartório.

Vamos lá! Para saber se o seu CPF está “limpo” veja o passo a passo em 5 tópicos para a utilização do app Serasa Consumidor no tutorial a seguir:



1. Baixe e faça a instalação do aplicativo Serasa Consumidor no seu celular

Ainda na tela inicial do aplicativo, digite o número de seu CPF. Ele terá as divisões de pontos e traços, feitas de forma automática. Para concluir esta primeira etapa basta confirmar em “consultar”.

2. Adicione as informações pessoais no cadastro

Para prosseguir basta confirmar o CPF e adicionar o nome completo, a data de nascimento, o nome da mãe, e-mail, assim como telefone para contato e também uma nova senha (a senha precisa conter um mínimo de 8 caracteres, os quais sejam números e letras, em maiúsculo e minúsculo). Ao final da etapa marque na caixa de texto a seguinte mensagem: “Aceito os termos”. Após isto, confirme em “Cadastrar grátis”.

3. Faça uma verificação visual antes de continuar

O procedimento é necessário para que haja a confirmação de que o acesso esteja sendo feito por um humano e não por meios digitais. Na etapa será solicitado que o usuário marque imagens correspondentes com a apresentação de placas de rua, por exemplo. Após basta confirmar em “verificar”.

4. Agora deverá ser feita a 2ª verificação

A 2ª verificação poderá ser feita com o recebimento do código por SMS no próprio celular ou se preferir, por e-mail. Em caso de fazer a verificação utilizando SMS no smartphone, por exemplo, o usuário clica / toca em “Confirmar por celular”, logo depois faça a digitação do código já recebido, após toque em “Confirmar código” e assim proceda com o acesso ao sistema da SERASA.

5. Tudo pronto!

A tela inicial terá a indicação positiva ou negativa relacionada ao nome do usuário estar ou não com registro na SERASA. Ao arrastar a tela é possível ter o detalhamento de forma mais completa sobre as dívidas, inclusive outros débitos os quais estejam constando como em negativação.

O usuário do aplicativo ainda poderá fazer a consulta quantas vezes achar necessário, não possuindo um limite previsto de acessos. Os próximos acessos poderão ser feitos utilizando somente o número do CPF do consumidor.

É importante a lembrança de que em caso que o cliente apresente inadimplência, a empresa ou o lojista pode registrar o nome e os dados na SERASA e SPC (Serviço de Proteção ao Crédito), além de outros órgãos, o que geralmente acontece após o 30º dia após o vencimento da parcela ou do compromisso. Porém, o prazo pode ser menor caso o credor assim entenda, pois tal ato está previsto na Lei de Defesa do Consumidor.

Por Silvano Andriotti





Postar Comentário