TV Digital – Adiamento em Porto Alegre, Florianópolis, Franca e Ribeirão Preto



  

Adiamento se deve a porcentagem inferior a 90% dos lares preparados para a TV Digital.

Com os dias já contados em todo o Brasil, uma importante notícia sobre o assunto foi divulgada na última terça-feira, dia 30 de janeiro. Isso porque, por meio de decisão conjunta, o grupo que reúne a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o Governo, os teles móveis e as emissoras de televisão optou pelo adiamento no desligamento de todos os sinais analógicos em pelo menos quatro cidades. São elas: Franca, Porto Alegre, Ribeirão Preto e Florianópolis.

A medida foi tomada uma vez que essas não atingiram o nível mínimo exigido para a permissão de fim das transmissões, que deveria ocorrer nesta quarta-feira, dia 31 de janeiro. Sendo assim, um novo calendário foi estipulado.

Com a decisão, apenas a cidade de Curitiba, que também possui o apagão marcado para o horário da meia noite desta quarta-feira, irá manter o acordo previsto. Sendo assim, na capital paranaense e nos demais 26 municípios, pelo menos 91% de todos os domicílios já estão prontos para receberem a transmissão de sinais digitais.

Em Porto Alegre, bem como outros 107 municípios gaúchos, registrou um índice que foi inferior a 88% dos lares com a TV Digital instalada. Sendo assim, o novo cronograma foi adiado para o dia 14 de março de 2018. Já em Florianópolis e demais seis cidades próximas, 89% dos lares estavam prontos, adiando o apagão analógico para a data de 28 de fevereiro de 2018.

Franca e Ribeirão Preto

Esse já é o terceiro adiamento da TV com transmissão 100% digital nas cidades de Ribeirão Preto e de Franca. Sua previsão inicial para desligamento de sistema analógico foi feita para o final do mês de setembro.

Não ocorrendo na data, foi estipulado o dia 29 de novembro e, na seqüência, para esta quarta-feira. Agora, o apagão analógico teve o seu dia reagendado oficialmente para o dia 21 de fevereiro.

Conforme os dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Opinião e Estatística, o IBOPE, nas duas cidades, bem como nos arredores, o índice que se refere aos conversores digitais e aos televisores ligados neste mês é de 89%. O número necessário para ocorrer o apagão analógico é de 93%, podendo ter, em margem de erro, dois pontos para mais ou para menos.

Outras cidades




Em São Luís, no Maranhão, e em mais nove outras cidades, foi medido um índice total de 92% de todos os domicílios com capacidade de receber o sinal digital. Sendo assim, o desligamento no Estado tem a previsão de ocorrer no dia 28 de março, a mesma data em que também serão desligados os sinais analógicos de: São José do Rio Preto, com assiduidade de 80%; Presidente Prudente, com 84% das TVs já digitais; e Bauru, com 88% de todos os lares prontos.

Com a implantação desde o ano de 2007, a TV Digital já possui implantação total em diversas regiões metropolitanas. São elas: Vale do Paraíba, Santos, Campinas, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Vitória, Fortaleza, Recife, Salvador, São Paulo, Goiânia e Brasília.

Vale ressaltar que, apesar do grande engajamento de emissoras de forte renome no Brasil para que o apagão não fosse adiado, a capital do Rio de Janeiro também sofreu alguns problemas para realizar o cumprimento do seu cronograma relacionado à TV digital. Isso porque a cidade tinha previsão de desligamento para o dia 25 de outubro, precisando adiá-lo para o dia 22 de novembro de 2017. O fato também aconteceu pelo não cumprimento da meta mínima de televisões com conversores.

Quem é beneficiário de um dos programas sociais do Governo Federal, não precisa adquirir ou comprar os equipamentos para receber o sinal digital em sua casa. Isso porque, por meio de uma iniciativa chamada de “Seja Digital”, são entregues kits gratuitos com o conversor e a antena UHF.

Para instalar o conversor, o processo é semelhante ao da colocação de um aparelho de DVD na TV. Feito isso, é necessário ligar o seu conversor e realizar a busca automática de canais. Porém, é importante lembrar que a verificação e instalação desses equipamentos deve ser feita sempre por um profissional capacitado para realizar o processo com a melhor qualidade e segurança.

Kellen Kunz






Postar Comentário