Alcatel A5 – Celular que aparece na Camisa do Corinthians




Conheça aqui um pouco mais sobre o celular que aparece na Camisa do Corinthians.

A Alcatel Celulares, fabricante de aparelhos de celular, é patrocinadora do “Timão” para a temporada de 2017 e tem sua marca estampada na manga da camiseta do time paulista. O modelo que aparece na camisa é o Alcatel A5.

Alcatel A5 LED

O modelo na camisa corintiana é o Alcatel A5 LED, que possui luzes led, as quais se movem conforme o ritmo da música que está tocando.


O aparelho é pioneiro, sendo o primeiro fabricado até então, que possui na parte traseira várias lâmpadas que são interativas, as quais podem ser personalizadas pelo usuário.

As luzes também indicam as notificações com cores distintas conforme as ligações ou até mesmo os aplicativos que estão a solicitar a atenção do usuário.

A Color Catcher 2.0 possibilita ao proprietário do smartphone que ele crie padrões coloridos para as diferentes mensagens que chegam também das redes sociais.


Consumo de carga do A5

Mesmo que as luzes LED consumam mais carga do que normalmente a Alcatel informa, que garante em torno de 45 até 50 horas de carga, ou seja, uma média próxima a dois dias de carga, considerando que em reprodução de mídia.

Parceria com Corinthians

A parceria foi anunciada, mesmo que de forma muito sutil pelo “Timão”, em uma coletiva de imprensa, na qual o Meia Rodriguinho atendeu o celular, mesmo em meio à entrevista, quando tocou e era um Alcatel A5 LED.

Atuando como um ator, o jogador pediu desculpa a todos e disse que era notícia boa e tratava-se de um novo patrocinador chegando ao Corinthians e que no outro dia todos ficariam sabendo.

Torcedores sempre atentos

Os torcedores do “Timão”, sempre atentos, não deixaram escapar o que observaram e através das redes sociais revelaram o mistério da ligação e do novo patrocinador, quando atentaram-se para a marca e modelo do celular Alcatel A5 LED, matando a “xarada”.

Até então, a camisa de jogo do time tinha o patrocínio master, ou seja, o principal da Caixa Econômica Federal, o qual estava sendo negociado pela diretoria do clube na época e exibia nas mangas a marca da Escola de Idiomas Mind.

O patrocínio foi mais uma bela jogada de craque pelo marketing do clube, proporcionando a ambas as partes os benefícios de tal.

Por Silvano Andriotti





Postar Comentário