Melhor Operadora de Internet 4G no Brasil 2018



  

Pesquisa realizada pela Open Signal coloca TIM em primeiro lugar.

Quem usa celular sabe que as operadoras investem pesado em marketing, mostrando que oferecem a melhor cobertura 4G em todo o Brasil, mas na prática é bem diferente. Ter que ficar andando de um lado para o outro, durante uma ligação, na esperança de que o sinal não seja interrompido, é uma prática muito comum entre os brasileiros. Muitos até pensam em trocar de operadora, mas qual escolher, se todas recebem reclamações dos usuários? Uma solução encontrada por muitos é procurar saber quais são as piores e optar pela menor ruim.

A Open Signal é uma empresa especializada em conexões móveis e fez uma ampla pesquisa justamente para descobrir como está a cobertura 4G no território nacional. O resultado é realmente surpreendente, pois diferente do que muitas pessoas imaginam, a TIM é que ocupa a primeira posição em se tratando de cobertura 4G no Brasil. E a última colocada no ranking é a Oi, que deixa muito a desejar neste quesito.

E a TIM é líder tanto por oferecer uma maior cobertura 4G, como também por garantir um sinal melhor, pois não adianta nada cobrir uma grande área se não consegue garantir a qualidade do serviço. De acordo com a Open Signal, a TIM já garante conexão 4G em quase 80% dos locais por onde seus clientes transitam.

A Vivo vem na segunda posição, mas está muito atrás da TIM, pois a diferença é de 7 pontos e só garante 67,3% de cobertura 4G para os locais em que seus clientes vão. A Claro continua crescendo e vem na terceira posição com 61,7% de cobertura para seus clientes e se a empresa continuar nesse ritmo, em breve estará encostando na Vivo. E a última colocada, a Oi, garante cobertura só em 54,7% dos locais frequentados por seus usuários.

De acordo com a Open Signal, esta "métrica em cobertura" foi uma solução encontrada pela própria empresa para conseguir analisar o mercado de 4G no Brasil e assim, através de porcentagem, apontar as operadoras que estão indo bem e aquelas que deixam a desejar. Essa forma de 'medição' é diferente da 'disponibilização', pois a Open Signal não quer apenas saber se tem o sinal, mas se de fato ele é de qualidade, analisando também o tempo que os usuários utilizam o 4G. Dessa forma, é apontado onde o cliente tem o sinal e não quando possui sinal. Por exemplo, se uma operadora de telefonia móvel ficar com 70% dos pontos é porque os usuários desta empresa conseguiram ficar conectados ao 4G em 70% dos locais onde estiveram. Desta forma, o resultado é mais confiável do que o já conhecido.




Os dados que geraram este ranking foram obtidos entre os meses de setembro e novembro do ano passado, levando em consideração os serviços prestados pelas quatro operadoras que atual em todo o Brasil. O ranking permaneceu o mesmo de antes:

  • 01º) TIM – 74,4%
  • 02º) Vivo – 67,3%
  • 03º) Claro – 61,7%
  • 04º) Oi – 54,7%

A Vivo conseguiu aproximar um pouco da TIM e além de ter que se preocupar em continuar crescendo, precisa ficar atenta ao avanço da Claro, que não para de conquistar espaço ano após ano. Mas a TIM dificilmente será alcançada pelas concorrentes porque a empresa continua investindo pesado na expansão de sua cobertura 4G por todo território nacional. Em novembro do ano passado, a TIM já estava oferecendo 4G a 2.730 cidades e a meta é continuar abrangendo outras por todo Brasil.

A Oi se prejudicou ao construir sua própria rede, enquanto as outras três operadoras trabalham na frequência 700 MHz, que é mais fácil para aumentar o alcance da cobertura, seja nas cidades ou zonas rurais. A Oi oferece cobertura 4G a pouco mais de 800 municípios, mas informou que está trabalhando para oferecer seus serviços a mais regiões do país.

Por Russel






Postar Comentário