Motorola One 2018 – Ficha Técnica e Preço

  

  

Conheça aqui mais detalhes sobre o Motorola One 2018.

Uma das maiores companhias no ramo de aparelhos digitais está com novo lançamento. A empresa Motorola anunciou a estreia do One no Brasil, o qual estará na faixa de preço em 1.499 reais. O início da comercialização se deu no dia 4 de outubro, quinta-feira. Trata-se de um aparelho celular com uma boa ficha técnica:

Sua tela é de 5,9 polegadas; possui câmera dupla com capacidade de capturar imagens com o efeito retrato; a sua bateria tem potência de 3.000 mAh; a sua potência de armazenamento é de 64 GB, e o aparelho chega às prateleiras em duas alternativas de cor, em preto ou na cor branca.


Junto a essas funções também está o programa Android One, que é uma iniciativa do Google no sentido de tornar mais ligeira a liberação das atualizações do sistema. Portanto, o smartphone segue da fábrica já munido do sistema Android O, e será equipado com o Android P antes do fim desse ano, de acordo com o que a fabricante anunciou.

Este novo One possui uma tela em LCD de 5,9 polegadas e uma resolução em HD+. Ele possui nas suas extremidades (parte superior da tela) um pequeno display que exibe o horário e demais ícones de serviços ativos, ou seja, do Wi-Fi e a função de Não Perturbe.

O design desse novo smartphone chama bastante a atenção do consumidor, dada presença de um tipo de leitor de digitais e de uma função estilo biometria na parte traseira deste aparelho, onde está instalado o famoso símbolo circular da Motorola, além de manter as lentes de sua dupla câmera, embora estas estejam instaladas em separado do dispositivo de flash em LED.

  

Em seu interior, o aparelho está munido de um processador intermediário de tipo Snapdragon 625, que opera em uma velocidade máxima de até 2 GHz. Trata-se de uma função que age em conjunto com a ferramenta da memória RAM, que é de 4 GB. Conforme uma notificação da empresa Motorola, este celular proporciona uma experiência de uso muito mais fluida, embora, para que isso seja possível, houve necessidade de se descartar deste aparelho algumas características exclusivas dos smartphones da companhia, ou seja, a função que aciona, por meio de um gesto de chacoalhar o produto, a câmera e o seu sistema de controle para o dual chip.

Esta câmera principal está equipada com potência de 13 megapixels e uma abertura f/2.0, que em geral é pouco indicada para os cosumidores que têm preferência por capturar imagens à noite ou em demais ambientes muito pouco iluminados. Uma parte desta dual câmera está munida de um sensor secundário em 2 megapixels. Este dispositivo pode ser utilizado, de modo exclusivo, para se produzir o efeito Bokeh, no qual o protagonista de uma cena fica em destaque, no primeiro plano, e a imagem da paisagem, logo atrás, se torna embaçada.

Junto a esta função, a sua câmera frontal realiza selfies de até 8 megapixels, no mesmo formato de Modo Retrato. Entretanto, em nenhuma das lentes é seguido o chamado padrão Grande Angular, no qual é possível capturar um grupo maior de pessoas ou uma parcela maior de elementos de uma paisagem.

Na atualidade muitos consumidores expressam suas queixas a respeito da demora em receber as novas edições proporcionadas por meio do sistema do Google, o qual tende a levar um longo tempo para alcançar os smartphones. Em geral, essas edições atualizadas carregam consigo novidades, tais como a Bateria Adaptativa para o Android Pie, com força de fazer aumentar a sua autonomia na utilização, e com o auxílio da inteligência artificial ali presente.

Paulo Henrique dos Santos





Postar Comentário