Xiaomi Mi A3 e A3 Lite podem ter Novo Processador Snapdragon Série 700





Processador foi apresentado recentemente e é focado em aparelhos intermediários.

A Linha de processadores intermediários Snapdragon 700 podem desembarcar em breve na linha de aparelhos da Xiaomi, segundo rumores lançados na imprensa internacional durante esta segunda semana do mês de maio.

Os modelos Mi A3 e Mi A3 Lite devem ser a aposta da chinesa com esse chipset. A linha 700 foi anunciada há algumas semanas, trazendo recursos bastante interessantes para os celulares que não são os topos de linha, mas estão acima dos modelos mais básicos.




Conforme ressaltado pela Snapdragon, caso o rumor se confirme, o Mi A3 e A3 lite devem se beneficiar das melhorias na inteligência artificial que chega mais aperfeiçoada em celulares intermediários, melhor eficiência energética graças às otimizações realizadas no processador, além de suporte a um modo de carregamento mais rápido com a adição de benefícios quando se fala em câmera e fotografia.

Mi A3 – Possível ficha técnica

Uma possível ficha técnica foi soltada pelo site Priceboon que dissecou todos os recursos que este intermediário premium deverá contar. Como processador, Snapdragon 710, um octa core. Esta já estava sendo ventilada segundo os rumores dos últimos dias e parece estar se confirmando.


No interior, podemos conferir as especificações bastante atualizadas, como um total de 6GB de memória RAM acompanhados de 128Gb de armazenamento interno. Apesar das informações privilegiadas, os rumores não nos informaram se há espaço para expansão de memória. Para efeito de comparação, a geração anterior contava com um Snapdragon 625, 3GB de memória RAM e singelos 32 GB de armazenamento, mostrando um upgrade violento em especificações se comparado ao A2 lançado em 2018.

Segundo a equipe do Priceboon, o A3 apresentará um display de 5,84 polegadas com resolução acima de FULL HD e o tradicional recorte na parte superior. Não é desta vez que presenciaremos uma tela praticamente sem a intervenção que já se tornou tradicional desde o ano de 2017. No mais, uma parte frontal parecidíssima com aquela do ano passado, encontrada no A2.

Para a parte de câmeras, duas lentes na traseira sendo a principal com 20MP e a secundária com 12MP. Na parte da frente contamos com um sensor de 16MP para o registro de selfies. Para finalizar a lista de especificações adiantadas, todo este celular será abastecido com uma bateria de 4.000 mAH, com suporte a carregamento rápido.

Possível Android One

Vasculhando a código fonte do celular, os desenvolvedores do XDA puderam avistar que este será um modelo com o Android One na parte do software, sendo assim, uma versão atualizada do projeto responsabilizado pela Google. Isto é, podemos ter atualizações chegando diretamente da gigante de tecnologia. Como tradição, a versão One traz o Android em sua versão pura, com poucas intervenções da fabricante como no aplicativo de câmera.

A3 Lite

O A3 Lite como se trata de uma variante mais básica do modelo da Xiaomi, algumas configurações devem ser reduzidas, com destaque para a memória RAM, que poderia passar para 4GB e o armazenamento interno que seria ofertado em uma variante com 64GB de espaço interno. O processador será também da linha 700, mas não foi informado qual variante da linha 7 o Lite estreará.

Modelo topo de linha

Alguns portais trouxeram a informação de que o modelo A3 seria na verdade um topo de linha, com algumas especificações sendo trazidas pelo perfil no Twitter @MishaalRahman, que obteve algumas informações com exclusividade e decidiu partilhar na rede social.

Segundo seu palpite, este modelo com codinome Hercules estaria trazendo o Snapdragon 855 como processador, um octa-core com um núcleo em frequência maior e outros três dedicados a desempenho e outros quatro para eficiência energética. Para ele, algumas informações constam nos códigos fontes da chinesa.

Para o usuário que vazou as informações, podemos ter três lentes na câmera traseira e mais uma na frontal, trazendo o tão esperado recurso de sensor biométrico na tela, assim como os principais topos de linha deste ano. Outro recurso é o suporte ao carregamento sem fio que ainda não parece algo útil aos usuários.

Apesar dos fartos vazamentos, nenhuma data de lançamento foi adiantada.

Por Leandrinho de Souza





Postar Comentário