Xiaomi Mi 9 x iPhone XS Max – Comparativo e Ficha Técnica





Saiba aqui qual é o melhor smartphone: Xiaomi Mi 9 ou iPhone XS Max.

O mundo de celulares está cada vez mais aquecido e o público que deseja um celular com mais performance e deseja pagar um pouco a mais por isto, tem duas boas opções a sua disposição. Projetados para oferecer o melhor com as tecnologias mais modernas, o Xiaomi Mi 9 e o iPhone XS Max trazem características diferentes por conta de seus sistemas operacionais, mas se assemelham em vários quesitos.

Mi 9

Começando pelo celular fabricado pela Xiaomi. A chinesa aproveitou e trouxe para esta edição o que há de melhor no mundo Android. Ao começar pelo seu processamento, temos por aqui um Snapdragon 855 com oito núcleos, podendo chegar a 2,84 GHz. Quatro dos oito são destinados para alto desempenho, sendo que os outros quatro estão a disposição para tarefas mais simples.




Para acompanhar e posicionar este celular como topo de linha, 6GB de memória RAM estão nas entranhas do aparelho. O número pode não ser tão volumoso, mas já é o suficiente para segurar o bom desempenho por anos e anos. No armazenamento interno temos 128 GB, porém, sem a possibilidade de expandirmos este espaço via cartões de memória. Podemos observar que, dos 128 GB ofertados, uma pequena parte é destinada ao sistema operacional e seus aplicativos embarcados de fábrica.

Passando para a tela deste bichinho, o usuário poderá consumir suas mídias, jogar seus games ou navegar na internet em 6,39 polegadas com uma resolução total de 1080×2340 pixels, envoltos na tecnologia AMOLED. O painel recebeu reforço com a tecnologia Gorilla Glass 6 contra riscos e arranhões e segue a tendência de pequenas bordas e um recorte tímido na parte superior.


Por falar neste recorte, vamos comentar das câmeras. A parte frontal recebeu uma lente de 20MP, que é ideal para selfies em ambientes claros, mas que não faz feio nos ambientes escuros. Com possibilidade de gravação em até Full HD, ela deve satisfazer os olhos mais exigentes. Já na parte traseira, são três lentes, sendo a principal com 48MP, a secundária com 16MP e a terceira com 12MP. A possibilidade de se gravar em 4K está mais do que garantida por aqui, contando com estabilização de vídeo e Slow Motion. São 3.300 mAH com suporte a carregamento rápido.

Até o fechamento desta matéria, pudemos encontrar no Brasil (por importadores) pelos valores que chegam a 2.904 reais.

iPhone XS Max

O atual topo de linha da Apple foi apresentado no segundo semestre do ano passado e chega para ser a referência quando falamos em celulares com o sistema iOS, que equipa os aparelhos da maçã.

Com configurações bastante distintas daquelas que encontramos no Android. Por aqui, o processador nas entranhas é o A12 Bionic com seis núcleos no total. A Apple não informa oficialmente a frequência de seus processadores, mas enumera a evolução que eles obtiveram em comparação as versões passadas.

Para acompanhar o processador, encontramos 4GB de memória RAM com o espaço interno de 512 GB, ao qual não conta com memória expansível, o que é um ponto fraco. Os celulares da Apple nunca ofereceram e dificilmente oferecerão um dispositivo com capacidade de expansão como encontrado no Android. A tela que equipa o iPhone XS Max tem o tradicional recorte em seu topo, possuindo 6,5 polegadas em tecnologia OLED. São 16 milhões de cores e há proteção em seu display contra riscos e arranhões.

Na parte traseira encontramos o espaço para as duas câmeras. A lente principal possui 12Mp e a secundária a mesma resolução. Com estabilização óptica, é esperado aqui um dos melhores sensores já apresentados em um celular. Na parte frontal há apenas uma lente com 7MP.

A Apple não divulga a capacidade da bateria, mas segundo testes e aplicativos de análise de hadware, o tanque de energia possui 3.174 mAH com capacidade para 1.500 minutos de conversação.

No Brasil, até o fechamento da matéria, podemos encontrar o modelo pelo valor de R$ 6.100 reais com espaço interno de 64GB.

Por Leandrinho de Souza





Postar Comentário