Novo Nokia 2.3 – Lançamento no Brasil



Novo smartphone já foi homologado pela Anatel e deve ser lançado no mercado brasileiro em breve.

Depois de um bom tempo longe do mercado brasileiro de smartphones, a Nokia está preparando o seu retorno. Recentemente, a marca confirmou que lançará em nosso país o seu primeiro aparelho licenciado pela HMD Global. Este aparelho, que terá a colaboração da Multilaser aqui no Brasil, já foi até homologado pela Anatel.

Este novo aparelho da Nokia é o Nokia 2.3. O dispositivo, em sua homologação na Anatel, tem o codinome TA-1194 e não conta com fotos na documentação.



O novo smartphone da Nokia virá com uma tela HD+ de 6.2 polegadas, com notch em formato de gota no centro superior da tela. O aparelho, que também contará com desbloqueio facial, faz parte do programa Android One, sendo assim, ele contará com o sistema operacional Android puro, o que contribui para que receba atualizações rápidas.

Com relação à sua bateria, ela não terá uma duração tão grande quanto tinha os seus modelos clássicos, apesar disso, deve conseguir “aguentar” fácil dois dias de uso moderado, isso deve ocorrer graças aos novos recursos adaptativos de Inteligência Artificial.



Até o presente momento, ainda não há uma data específica para que o novo smartphone da Nokia seja lançado no Brasil. Além disso, também não há nenhuma informação sobre o seu preço de lançamento. Não bastasse isso, há uma grande possibilidade de que seu lançamento atrase um pouco, isso pode ocorrer devido àa grande pandemia de Coronavírus (Covid-19) que se espalhou pelo mundo. É provável que o novo celular da Nokia só seja lançado oficialmente quando todo esse surto acabar, podendo ocorrer agora no segundo semestre de 2020 ou então no início do próximo ano.

Sobre a Nokia

A Nokia Corporation, mais conhecida apenas como Nokia, é uma empresa criada na Finlândia e que foi fundada em 1865. Inicialmente a empresa produzia papel.

Um pouco mais tarde a empresa expandiu os seus negócios e também começou a trabalhar no mercado de energia elétrica. Com a Primeira Guerra Mundial, a Nokia quase foi a falência e o que acabou salvando a empresa foi a aquisição de uma fábrica de produtos de borracha chamada Finnish Rubber Works.

Um pouco mais tarde, esta empresa adquiriu uma outra empresa local chamada Finnish Cable Works, uma fábrica especializada na produção de cabos e produtos eletrônicos.

No ano de 1963, finalmente a Nokia passa a explorar o mercado de telefonia.

Em 2013 a Microsoft acabou comprando a divisão de celulares da Nokia, com isso a empresa finlandesa acabou se dedicando a área de infraestruturas de telecomunicações.

Em 2014, a Nokia fez uma parceria com a Foxconn e surpreendeu o mundo apresentando um novo tablet Android. Um ano depois, a empresa anunciou uma nova reestruturação e fusão com a Alcatel, voltando assim a focar no mercado de smartphones.

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *