LG K52 2020 – Análise, Ficha Técnica e Preço



Confira aqui os prós e contras do LG K52.

A LG vem apostando alto em celulares nas faixas mais simples e naqueles intermediários, os mais vendidos no mercado nacional. A linha K que estreou há alguns anos, segue firme, com modelos trazidos pela fabricante em pouco tempo se comparado em lançamentos internacionais.

O K52 começou a ser vendido neste ano e aos poucos vem chamando a atenção pelas propagandas e pela alta disponibilidade em lojas físicas ou e-commerce, principalmente nesta Black Friday, ponto onde as vendas de produtos deste gênero se elevam.



Chega de enrolações – hora de conhecer.

Novamente com processador Mediatek

A LG abriga na linha K os processadores da Mediatek. O escolhido para equipar o K52 é o Helio P22, velho conhecido para quem pesquisa por especificações técnicas nos modelos intermediários brasileiros do ano passado. A receita é repetir a parceria, sendo este um octa-core.



Diferentemente do A21s, são quatro núcleos de 2GHz para tarefas mais pesadas e outros quatro em 1.5 GHz visando a economia de bateria. Este gerencia também uma bateria de 4000 mAH, sem informação se suporta carregamento rápido.

Conjunto básico

O K52 tem 3GB de RAM, um pouco acima de modelos básicos como Moto E ou LG K22, porém abaixo de outros modelos bem mais interessantes. Mesmo assim, quem sai de um celular mais antigo básico e adquire o K52, acaba se satisfazendo do desempenho, já que mais memória RAM significa um maior número de apps abertos ou de um celular travando menos.

Já no espaço interno, temos 64GB com possibilidade de expansão via cartão de memória. A memória interna é dividida entre aquilo que está sobrando e o Android 10 com seus apps pré instalados.

Leia também:  Nova Atualização do Lumia 650 deve ser lançada pela Microsoft

Quatro câmeras

A moda do momento é equipar celulares com diversas lentes. O apelo comercial é maior e o visual chama a atenção do consumidor. Por aqui, a câmera principal tem 13mp, dividindo o espaço traseiro com uma lente de 5MP, outra de 2MP e por último mais uma de 2MP. Ainda se mantém a estabilização digital e a possibilidade de filmagem apenas em FULL HD. Um ponto positivo é de que uma das lentes é grande angular, captando um maior espaço, se analisarmos as demais câmeras em outros modelos.

Na parte frontal, a lente de 8MP é um pequeno furo, podendo filmar também em Full HD, segundo a fabricante.

Tela grande

São 6.6 polegadas em um painel IPS LCD com resolução 720×1660 pixels, ou HD Plus, assim como a maioria da Linha K apresenta. São 266 pixels por polegada, o que contribui para uma boa qualidade de visão. A parte frontal tem aproveitamento interessante em comparação a outros modelos da linha, que já estão no mercado. Poucas bordas trazem a impressão de ser algo 2020, o que é propósito desta nova linha K.

Preço e disponibilidade

O LG K52 está disponível em lojas online, até o mês de novembro, por R$ 1.100 reais. O preço é similar ao A21s, que tem mais memória e a câmera é melhor, além de estar em pé de igualdade com a linha K do ano passado, como o K51s, que traz praticamente a mesma configuração pelo mesmo preço.

Veredito final

O K52 parece mais do mesmo: para quem acompanha o K40 e 50, passando pelo acréscimo do K61 e agora o K52, tenho a impressão de que a LG trouxe poucas diferenças em cada um destes, já que o processador é basicamente o mesmo e as câmeras conseguem ser relativamente medianas se levar em comparação os citados. O que justificaria o investimento seria a indisponibilidade de celulares anteriores, já que produtos deste tipo tem suas linhas descontinuadas rapidamente e o Android 10, já que não há perspectiva de que os que chegaram na versão 09 recebam a versão 10 por parte da LG.

Leia também:  Galaxy S20, S20+ e S20 Ultra - Novidades, Preço, Ficha Técnica

Por Leandrinho de Souza

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *