Galaxy M62 – Versão Global do Galaxy F62



Modelo com bateria de 7.000 mAh deve ser lançado fora da Índia com o nome de M62.

No último dia 15, a Samsung anunciou o lançamento do Galaxy F62 na Índia. O modelo é o sucessor do Galaxy F41, lançado em abril do ano passado. O modelo que conta com um processador Exynos, 6GB de RAM e 128GB de armazenamento interno, sensor principal de 64 MP e uma bateria de incríveis 7000 mAh, deverá ser lançado internacionalmente com outro nome. O F62 fará parte da família M da marca sul-coreana e será conhecido como Galaxy M62.

O modelo intermediário possui tela de 6.7 polegadas, tecnologia Super AMOLED e resolução de 2400 x 1800. Essa tecnologia é comum em celulares da Samsung e permite que a tela seja mais fina e nítida de vários ângulos, se comparada aos modelos OLED comuns. A tela vibrante é excelente para a exibição de vídeos, destacando os tons escuros e profundidade na imagem sem causar distorções. Além disso, é possível utilizar o aparelho tanto em ambientes claros como escuros, sem nenhum problema.



A taxa de atualização é de 60 Hz e é considerada baixa, já que há diversos modelos do segmento de intermediários com taxa de atualização de 90 Hz, como é o caso do Moto G 5G.

Se você deseja um celular leve, o M62 não será uma opção para você. O celular possui aproximadamente 218 gramas, o que faz necessário o uso com as duas mãos. Esse fato não impressiona, principalmente quando levamos em consideração que há uma bateria de 7000 mAh dentro do dispositivo. O design traseiro do dispositivo chama bastante a atenção e se parece como um espelho, que também atrai impressões digitais.

Leia também:  Xperia XA1 Plus - Análise, Ficha Técnica e Preço


O sensor de digitais localizado no botão liga/desliga, permite que o M62 seja mais ágil do que modelos da série A para realizar o desbloqueio. A série A conta com o sistema de segurança presente em sua tela. Ao contrário de empresas como a Motorola e a Xiaomi, a Samsung não envia uma capa de proteção de silicone junto com o aparelho.

O Exynos 9825, mesmo processador utilizado no Galaxy Note 10, sofreu pequenas alterações para ser incluído no M62. No Note 10, a Samsung utilizou a arquitetura de núcleos 6/2, enquanto no modelo em questão foi utilizado a arquitetura 4/2/2. Dessa forma, há quatro núcleos Cortex A 55 com 1.95 GHz, dois núcleos Cortex A55 de 1.95 GHz e dois núcleos M4 com 2,73 GHz. Esse sistema é capaz de gerar um processador potente e com baixo custo de energia, o que é mais um ponto positivo para a autonomia do dispositivo. O armazenamento interno de 128GB e os 6GB de RAM complementam o desempenho.

O M62 aproveita o mesmo sistema de câmera quádrupla do Galaxy M51 e Galaxy A71. O sensor principal de 64 MP é combinado ao sensor ultrawide de 12 MP, enquanto os sensores de macro e profundidade contam com 5 MP. Já a câmera para selfies conta com 32 MP. O processador Exynos 9825 auxilia na velocidade com que as imagens são capturadas.

A câmera de 64 MP possui uma boa resolução e reproduz imagens pouco saturadas, nítidas e vibrantes, principalmente durante o dia. O sensor ultrawide cumpre o seu objetivo, capturando uma grande área e preservando as cores. O sensor macro também é eficiente para o uso casual, mas a capacidade de resolução de 5 MP pode não ser o suficiente para alguns usuários.

Como era de se esperar, o processador é capaz de rodar jogos competitivos, como, Call Of Duty: Mobile a uma excelente taxa de quadros, com a qualidade gráfica máxima. Jogos de corrida como o Asphalt 9, também não serão um desafio para o M62.

Leia também:  Teste de Velocidade do 4G no Brasil 2018 - Pesquisa Open Signal

A bateria de 7000mAh, com sistema de carregamento rápido, pode ser capaz de manter a autonomia do dispositivo por até 48 horas em uso convencional, o que é impressionante para um modelo com excelente desempenho. O modelo ainda não está disponível em território nacional.

Wendel George Peripato

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *