Análise do Poco M4 Pro – Review, Preço, Prós e Contras do Smartphone




Confira aqui os prós e contras do novo smartphone Poco M4 Pro 2022.

O Poco M4 Pro 5G é o mais novo smartphone Android da Xiaomi, sendo sucessor do M3 Pro, a intenção da Xiaomi é corrigir os erros do M3 Pro, porém, pecou no que era talvez a principal: a tela LCD.


A Xiaomi é conhecida pelos brasileiros por conta do ótimo custo benefício ao se adquirir seus modelos de smartphone, e com o M4 Pro não será diferente. O foco da Xiaomi é agradar o máximo de consumidores possíveis, para isso focam nas principais features que um celular precisa para ser considerado uma boa aquisição.

O M4 Pro virá com desempenho e câmeras melhores que o M3 Pro, com melhor autonomia de bateria e trazendo som estéreo. Porém, uma tecnologia já consolidada no meio, ainda não está disponível nessa linha de modelos da Xiaomi. As chamadas telas AMOLED. Porém, somos recompensados com um preço bem justo e especificações satisfatórias para maioria dos consumidores, sendo elas:

  • Display 6.6” com resolução de 2400×1020;
  • Espessura bem fina de 8 milímetros;
  • Dual Chip 5;
  • Android 11;
  • Processador Cortex de 8 Cores 2.1 GHZ;
  • Placa de vídeo Dimensity 810 MediaTek;
  • Memória RAM de 4GB, Memória ROM de 64 GB (memória interna);
  • Fotos de 50Mpx e gravação de vídeos em até 1080p.

Essas entre outras especificações justificam o seu preço, podendo ser encontrado por menos de 1.500 reais.

Seu processador é poderoso para um celular dessa categoria, notando-se aquecimento apenas com uso prolongado da câmera. Com modelos que chegam a até 6GB de RAM é possível alternar facilmente entre aplicativos diferentes sem travamentos.

O designer chama a atenção pelas cores vibrantes da carcaça em plástico e pela traseira do aparelho, que tem a parte da câmera com destaque em preto. Apesar de ser apenas duas câmeras, são seis espaços no módulo. O sensor principal fica acima, tirando fotos a 50 MP, abaixo desta fica uma câmera grande e angular, ao lado desta um flash LED, e mais dois furos abaixo, um com um ponto vermelho e outro referenciando uma AI (inteligência artificial).

Leia também:  Moto Z ganha Novo Acessório de Bateria Extra

O acabamento com toque em fosco reduz as marcas de dedo e gordura, mesmo que não as evite totalmente. O display protegido por um vidro ocupa quase toda parte frontal do aparelho, dividindo espaço com uma câmera frontal localizada no centro superior da parte frontal.

O display LCD garante cores naturais, porém, prejudica o contraste e brilho da tela. O que dificulta a visibilidade do conteúdo do display em ambientes muito claros. Apesar disso, é possível aproveitar vídeos e jogos, por garantir uma boa qualidade de cores e nitidez, a grande vantagem do LCD é ser uma tecnologia mais em conta, o que influência no preço final do aparelho.

Amada por muitos a interface MIUI virá na sua versão 12.5 instalada no Android 11. É esperado que o dispositivo receba novas versões do Android e da interface MIUI ao decorrer dos updates dessas tecnologias. A interface vem como sempre recheada de aplicações úteis e aplicativos populares, entre redes sociais, streaming e utilitários.

Outro destaque do lançamento é sua câmera, que já gerou elogios de profissionais em fotografia, mesmo sendo inferior aos seus concorrentes, a câmera do M4 Pro consegue tirar fotos profissionais em modo retrato com o HDR automático ativado. Sua câmera principal de 50 MP é capaz de tirar fotos excelentes, ainda mais em ambientes com boa iluminação. Suas selfies em 16 MP também não deixaram nada a desejar aos seus concorrentes, levando em conta o preço.

Outro fator que muitos levam em consideração é o sistema de som, e nesse quesito a Xiaomi sempre sai na frente. Os aparelhos intermediários raramente têm som estéreo, já que os fabricantes priorizam a redução de preços, e o áudio está entre as últimas exigências por parte dos consumidores.

Leia também:  Nokia P1 - Especificações do novo smartphone

No geral os alto-falantes do M4 Pro tem boa potência, mas apresenta distorção no volume máximo. Caso queira pode usar caixas de som ou fones de ouvidos conectados por bluetooth ou porta P2.

Mas particularmente o que mais me agrada nesses aparelhos da Xiaomi é a alta durabilidade das baterias. O Poco M4 Pro tem incríveis 5.000 mAh, o que significa muito tempo ligado. Com 50% de brilho é possível obter mais de 20 horas de reprodução de vídeo. Sua recarga também é bem rápida (33 W), indo de 0 a 100% em média de 1 hora.

Dito tudo isso, afinal de contas, o Poco M4 Pro vale a pena frente aos seus concorrentes? Se você está à procura de um celular custo benefício, fica complicado optar pelos seus concorrentes. Mesmo que esses como por exemplo o Galaxy A52s ou Motorola Edge 20, venham com telas OLED e garantia de 12 meses. Já que a diferença fica entre os 800 a mil reais.

Allan Christian Lima de Oliveira

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.